quinta-feira, 14 de outubro de 2021

ROTAÇÃO NO DESTACAMENTO DO P-3 NA OPERAÇÃO ÍNDALO [M2276 - 64/2021]

Destacamento da Esquadra 601 em Málaga         Foto: Esq. 601 via EMGFA

O Estado Maior General das Forças Armadas (EMGFA) deu conta da primeira rotação no destacamento da Esquadra 601 (Lobos) da Força Aérea Portuguesa, na operação INDALO 2021 da Agência Europeia da Guarda de Fronteiras e Costeira – FRONTEX, que ocorreu no passado dia 6 de outubro, em Málaga.

O destacamento foi visitado na ocasião pelo Comandante Aéreo TGen Eurico Craveiro.

O Gen. Eurico Craveiro na visita ao destacamento em Málaga     Fotos: FAP

O EMGFA classifica a operação ÍNDALO, de apoio à agência Frontex, como uma das operações mais importantes da União Europeia, em matéria de combate ao tráfico de estupefacientes, controlo da imigração ilegal, poluição marítima e pesca ilegal e, ainda, como uma mais-valia para a salvaguarda da vida humana no mar, através das missões de busca e salvamento.

O primeiro contingente destacado foi constituído por 30 militares e uma aeronave P-3C CUP+, assim como por um oficial de ligação em Madrid, no “International Coordination Center (ICC)” da agência FRONTEX, que foram agora rendidos.

Durante cerca de um mês, os "Lobos" patrulharam uma área de 488.681 milhas náuticas quadradas, tendo efetuado 80 horas de voo e detetado 11199 contactos. Entre estes, encontravam-se 54 embarcações de imigração ilegal, 10 embarcações abandonadas e 146 embarcações relacionadas com o tráfico de estupefacientes. A tripulação nacional identificou, assim, 451 migrantes e coordenou duas missões de busca e salvamento, nas quais resgatou 13 migrantes das águas do Mediterrâneo. 


Algumas das actividades monitorizadas e coordenadas pela Esquadra 601 no Mediterrâneo    
 Fotos: Esq. 601 via EMGFA


Ainda segundo o comunicado do EMGFA, os "militares da Força Aérea demonstraram um elevado grau de prontidão, profissionalismo e dedicação, tendo o seu trabalho sido reconhecido pelas entidades da União Europeia."


Foto: Esq. 601 via EMGFA

O segundo contingente de militares da Força Aérea, e a aeronave P-3C CUP+, irá operar durante mais um mês a partir de Málaga, no Mar Mediterrâneo Ocidental. A Força Aérea estará, ainda assim, empenhada nesta missão até ao próximo dia 2 de dezembro, havendo lugar a uma nova rotação antes do término da participação portuguesa em 2021.


Descolagem do P-3C da Esq.601 em Málaga       Foto: Esq. 601 via EMGFA

Portugal vem colaborando com a agência FRONTEX há já mais de uma década, seja com a plataforma P-3, seja com o C295M.



0 Comentários:

ARTIGOS MAIS VISUALIZADOS

CRÉDITOS

Os textos publicados no Pássaro de Ferro são da autoria e responsabilidade dos seus autores/colaboradores, salvo indicação em contrário.
Só poderão ser usados mediante autorização expressa dos autores e/ou dos administradores.

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Laundry Detergent Coupons
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...>