sábado, 24 de novembro de 2018

... à passagem por Sagres (M2009 - 69/2018)



Nas minhas férias deste ano também passei por Sagres, um dos quatro cantos do nosso simpático rectângulo à beira mar plantado, e aproveitei a deslocação para visitar as Commonwealth War Graves que se encontram no cemitério local.
Foi a 22 de Março de 1943 que a população de Sagres foi surpreendida com a passagem a muito baixa altitude de um Catalina da RAF, tão baixo ao ponto de colocar toda a população em alvoroço, havendo registo de a mesma ter saído de suas casas «esbaforida», com receio que o aparelho se fosse despenhar por cima das suas cabeças.
De acordo com a descrição no livro “Aterrem em Portugal”[1] , o susto terá sido tão grande que a guarnição da Fortaleza de Sagres saiu em auxílio da população que estava em pânico, temendo o pior. Uma das descrições refere mesmo que o Catalina passou «tão baixo que parecia que lhe podíamos tocar, se esticássemos o braço.»[2] !!!  
O avião estaria com problemas mecânicos, ou poderia ter sido atingido em combate, o que era muito comum nesta altura, confrontos entre a aviação aliada de escolta a comboios de navios e FW200 ou com submarinos alemães. Estaria a tripulação, por uma razão ou pela outra, a descer do coberto de nuvens para poderem ver terra ou o oceano para aí aterrarem ou amararem. Dizem as descrições que o aparelho saiu das nuvens a rasar a povoação, voltando logo a ganhar altitude em direcção da Baía no Tonel, por certo para tentar a amaragem. Não chegaram a tanto porque, já sobre a baía, e à vista da população, o avião explodiu.
Ainda se fizeram ao mar os pescadores locais para localizar sobreviventes, mas sem sucesso.
Da tripulação de 10 elementos, apenas foi encontrado, ainda preso à cadeira o Sargento Artilheiro Orton, perto da capela de Nossa Senhora da Graça. Alguns dias depois, deu à costa o corpo do Operador de rádio/Artilheiro Gibson, tendo sido ambos enterrados no cemitério local, com honras militares.
O aparelho, um Consolidated Catalina Mk.Ib, com o registo FP154/DA-D, pertencia ao 210º Esquadrão do Comando Costeiro da RAF, operado em missões de luta anti-submarina e escolta de comboios de navios.
Durante esta época o esquadrão estava baseado em Pembroke Dock, Pembrokeshire, País de Gales, mantendo um destacamento operando a partir do Air Head Quarters de Gibraltar, de onde saiu para missão de escolta a um comboio de navios (designado “SV8”) cerca das 08H12M desse dia, para onde já não regressou.

A tripulação era composta por:

Flight Officer    Martin Joseph French (GB)      Piloto
Flight Sergeant Robert Joseph Gordon Campbell (GB)
Sergeant  Gilbert Joseph Orton (GB)*     Artilheiro
Flight Sergeant     George Tod Wright Gibson (GB)* Operador Rádio/Artilheiro
Sergeant           Cyril Field (GB)
Sergeant           Ian Lockarbie Maclean (GB)
Sergeant           Ernst Hugh Strathearn Marsh (GB)
Sergeant           Eric Mckim (GB)
Sergeant           Eric Joseph Smith (GB)
Flight Officer  George Eriksen McNaughton (AUS)

(*) sepulturas no Cemitério de Sagres;



  
977499 Flight Sergeant
G.T.W. GIBSON
Royal Air Force
22nd March 1943 Age 33

THE DEAR SON,
OF ALEX, AND MARGARET GIBSON
LOCKERBIE, DUMFRIES, SCOTLAND
“REST IN THE LORD”



1495606 Sergeant
G.J. ORTON
Royal Air Force
22nd March 1943 Age 21

LET PERPETUAL LIGHT
SHINE UPON HIM, O LORD:
MAY HE REST IN PEACE


Rui “A-7” Ferreira
Entusiasta de aviação

Nota: o autor escreve na grafia antiga por opção.




Notas:
[1] “Aterrem em Portugal”, de Carlos Guerreiro, Ed. Pedra da Lua, 2008
[2] Carlos Guerreiro cita no seu livro uma outra publicação: o jornal “The Portuguese Resident”, na sua edição de 4 de Novembro de 2002, onde publica um trabalho sobre este acidente, da autoria de Jon Rivelson Wilson.

Outras referências:

Aterrem em Portugal: http://aterrememportugal.blogspot.com/2011/04/sagres-homenageia-combatentes-e.html
CWGC Portugal:https://www.cwgc.org/find/find-cemeteries-and-memorials/results?country=Portugal
Forum Keypublishing: https://forum.keypublishing.com
WW2 Forum: https://ww2aircraft.net
History of War: http://www.historyofwar.org/articles/weapons_PBY_catalina_RAF_service.html


0 Comentários:

ARTIGOS MAIS VISUALIZADOS

CRÉDITOS

Os textos publicados no Pássaro de Ferro são da autoria e responsabilidade dos seus autores/colaboradores, salvo indicação em contrário.
Só poderão ser usados mediante autorização expressa dos autores e/ou dos administradores.

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Laundry Detergent Coupons
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...>