quarta-feira, 26 de março de 2014

TYPHOON DISPARA MÍSSIL IRIS-T EM MODO DIGITAL (M1496 - 108PM/2014)

Eurofighter C.16 Typhoon com mísseis Iris-T       Foto: Luciano Bertolino

A 27 de fevereiro passado, sobre as águas do Golfo de Cádis, no centro de experimentação  "El Arenosillo" pilotos do Centro de Armamento e Experimentação da Força Aérea (CLAEX) executaram com sucesso o primeiro disparo, com processo de integração digital, dum míssil IRIS-T a partir de um C.16 Typhoon Tranche 1.

A Força Aérea Espanhola  assim o primeiro operador do sistema de armas Typhoon a realizar o disparo de um míssil IRIS-T com a integração digital, o que significa um salto qualitativo de grande escala nas capacidades de ar-ar dessa plataforma. O feito foi realizado antes de qualquer outra Força Aérea e mesmo da própria indústria.

Este evento corresponde a uma das últimas etapas num processo que começou há mais de três anos, no qual têm vindo a trabalhar direta ou indiretamente, mais de 50 pessoas e ficará concluido com a certificação em Espanha do Typhoon.

Iris-T no C.16 Foto: Ejercito del Aire
O Ejercito del Aire  referiu ainda em comunicado que "conquistas como esta demonstram o compromisso da Força Aérea (Espanhola) em manter a independência, numa área onde apenas trabalha um reduzido número de forças aéreas".



0 Voaram em formação:

ARTIGOS MAIS VISUALIZADOS

CRÉDITOS

Os textos publicados no Pássaro de Ferro são da autoria e responsabilidade dos seus autores/colaboradores, salvo indicação em contrário.
Só poderão ser usados mediante autorização expressa dos autores e/ou dos administradores.

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Laundry Detergent Coupons
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...>