domingo, 15 de julho de 2012

HOTBLADE 2012 - II (M688 - 32AL/2012)


Boas vindas ao HOTBLADE 2012 - Portugal!



Helicópteros CH-47D Chinook holandeses, CH-53G alemães e EH-101 Merlin portugueses, largam tropas no terreno. Imagens que ilustram bem tanto a natureza do exercício, como a versatilidade dos helicópteros.

Feita aqui a introdução do exercício, avançamos nesta edição para o exercício propriamente dito.
Tendo em conta a tipologia dos novos conflitos, caracterizados por situações algo atípicas no que respeita aos paradigmas do próprio conflito, mas cujo grau de exigência técnico-tática aumenta na medida dos avanços tecnológicos e da generalização ao seu acesso, impõem-se treinar ações tendentes à atuação de forças capazes, do ponto de vista operacional e militar, com o objetivo de fazer frente a situações problemáticas e de elevado grau de complexidade e com envolvimento multinacional. Pela sua versatilidade, o recurso ao helicóptero é de crucial importância!
Assim, o cenário em que se desenrola este exercício  “HotBlade 2012”, está balizado, digamos, pela existência de três ”estados” com problemas internos e entre si, mormente pelos seus sistemas, ideologias, territórios e recursos disputados. “Landuka, Maracate e Kopami” estão em crise e nas suas fronteiras há um contexto de imposição de paz, situação que prefigura, como se sabe, cenários factuais na realidade, em diversos pontos do globo.

 Quatro Agusta Bell 212 da Áustria regressam de mais uma missão operacional.

 A participação portuguesa com os EH-101 Merlin da Esquadra 751.

«Para a definição deste cenário, foi criado um território fictício onde existe uma crise regional grave - a Península Idasse. Esta península está localizada na parte do sul da Europa Ocidental, na Península Ibérica. Atualmente, está dividida em 3 países: República de Landuka, República de Maracate e República Popular de Kopami.
Com o fim da Segunda Guerra Mundial, esta península constituiu-se como a Iberia Socialista Unida (ISU). Esta união política marxista-leninista foi membro do Pacto de Varsóvia, de 1958 até ao início dos anos 70. Em novembro de 1972, após uma série de enormes manifestações no Porto e em Beja, e de uma grande pressão política do ocidente, a ISU foi dividida em 3 países, Landuka, Maracate e Kopami. Landuka e Maracate adotaram um modelo social e político de inspiração ocidental, expressando a intenção de aderir à OTAN e à UE, enquanto Kopami manteve o modelo político socialista.
Para além desta divisão política, Idasse é também caracterizada por apresentar uma forte divisão étnica. A península está dividida em 4 grupos étnicos: Landukas, Maracates, Kopamis e Klorids. A distribuição geográfica étnica é, de um modo geral, coincidente com as fronteiras dos novos países. No entanto, algumas franjas étnicas ocupam territórios de outros países. 

 Um CH-47D Chinook da Holanda, estacionado no AM1 - Maceda/Ovar, centro das operações do Hotblade 2012.

Um F-16AM português, dos vários com que as Esquadras 201-Falcões e 301-Jaguares integram o cenário do Hotblade, prepara-se para descolar da pista do AM1, para uma missão de cobertura aérea às operações.

Aviões C-295 fazem largada de páraquedistas.

As tropas, depois de largadas, preparam-se para ocupar as suas posições no terreno.

  • A região de Aqua, também dividida por estes países, mas com uma composição étnica desequilibrada, com 20% de Kopamis 20% e 80% de Maracates.
Devido ao aumento dos ataques do KLA, , na Região de Aqua, nos primeiros meses de 2012 e ao agravamento da situação humanitária na área, o CSNU mandatou o Comité Militar da UE (CMEU) para projetar uma "Task Force" Combinada e Conjunta para Maracate (Região de Aqua). Em abril de 2012, os militares da UE (EMUE) destacaram um "Battlegroup" para estabelecer uma testa de ponte na Região de Aqua (no território de Maracate), com a missão de assegurar as condições mínimas para a entrada de uma força europeia de maior envergadura.
Em junho de 2012, após a retirada do "Battlegroup", uma Força Conjunta da UE foi destacada para a Região de Aqua - a Força da União Europeia da Região de Aqua (EUFOR Região de Aqua). Desde então, as principais áreas de preocupação são Sta. Margarida, Lamego e Guarda, onde se tem verificado, nos últimos meses, atividade do KLA.
Consequentemente, o CJTF enviou forças terrestres para várias FOB em Maracate, para perto das áreas críticas de Aqua. Adicionalmente, a UE enviou Forças da Componente Aérea e Forças Terrestres de reserva para Landuka.
O Quartel-General da EUARFOR é em Lisboa (Landuka), nas instalações do ACC de Landuka . De acordo com a Resolução do Conselho de Segurança, as missões deste CJTF são:
  • A manutenção das condições de segurança na Região de Aqua (Maracate) das atividades das Nações Unidas (campos de refugiados e outras atividades humanitárias);
  • A vigilância e repressão da atividade dos grupos armados ilegais na Região de Aqua (Maracate);
  • A vigilância e dissuasão de uma potencial violação territorial de Maracate (Região de Aqua) pelas forças militares de Kopami.»
 Helicópteros Bell 212 da Áustria, no AM1.

 Um CH-53 alemão, em pleno cenário operacional.

 Um C-295 no aeródromo de Seia, acaba de aterrar para largar tropas no terreno.

 Um NH-90 finlandês inicia a descolagem, depois de largar as suas tropas.

O sucesso deste exercício contribuirá para estabelecer, assim, uma plataforma de atuação conjunta, consubstanciada nos estados participantes, capaz de ser chamada a intervir, se necessário, de modo a gerir situações de crise, cujo equilíbrio é crucial para a manutenção de uma situação de estabilidade, seja ela local, regional ou inclusivamente mundial.
Tropas helitransportadas por um CH-53G da Alemanha.


A Bélgica integra o Hotblade 2012 com helicópteros A-109.

  Um AS-532 Cougar, que a par do CH-47 Chinook compõe a representação da Holanda.

 Aspetos da manutenção no AM1-Maceda/Ovar.

A Europa, como zona fulcral no equilibrio mundial, seja pela sua presença económica, demográfica, de recursos e de capacidade diplomática, deverá ter, assim, um braço musculado, plenamente operacional e capaz de servir de fator de dissuasão mas, simultaneamente, de efetivo poder interventivo em caso de necessidade!



Fonte: Press Release HotBlade2012 - Adaptação Pássaro de Ferro.

0 Voaram em formação:

ARTIGOS MAIS VISUALIZADOS

CRÉDITOS

Os textos publicados no Pássaro de Ferro são da autoria e responsabilidade dos seus autores/colaboradores, salvo indicação em contrário.
Só poderão ser usados mediante autorização expressa dos autores e/ou dos administradores.

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Laundry Detergent Coupons
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...>