quarta-feira, 19 de maio de 2010

BELL UH-1 HUEY (M376-20AL/2010)

 Foto: Airliners.net - Tony Printezis

De todos os helicópteros já produzidos pelo engenho humano, um deles se destaca na grande história da aviação universal, sem qualquer margem para dúvidas.
Trata-se do Bell UH-1 Huey, talvez um dos mais incontornáveis ícones do conflito que durante anos os Estados Unidos mantiveram com o Vietname e um dos helis mais bem sucedidos de toda a história, de que ainda hoje subsistem exemplares, sejam originais, sejam versões mais evoluídas.
Desde sempre alimentei um fascínio por esse conflito, muito para além das razões políticas e de estratégia que a ele estiveram subjacentes. Durante anos, a televisão e o  cinema mitigaram o assunto, dando-se a exercícios frequentes de esconjuro do conflito que marcou gerações em todo mundo e nos EUA em particular. 
Talvez por isso, os norte-americanos tivessem, anos a fio, uma necessidade  exorcizar tudo o que de grave a guerra do Vietname acarretou na sociedade yanke, sobretudo através do cinema.
Vi dezenas de documentários sobre o "Vietname", praticamente todos os filmes de referência /obrigatórios alusivos ao assunto, mormente pela sua componente aérea, onde desfilou um número impressionante de aparelhos, fossem jactos, aviões a hélice, helicópteros, caças, bombardeiros de diversos tamanhos, enfim...
Desse conflito ressaltam o Napalm, os maciços bombardeamentos pelos B-52 e, sem dúvida,  a "cobertura" que os helicópteros Huey fizeram às tropas no terreno que, duramente  anos a fio, alimentaram uma guerra desigual, feita de tácticas de guerrilha "cozinhadas na selva", ao arrepio das leis da guerra e do potencial bélico norte-americano que, nem pela sua sofisticação ou arrojo táctico, conseguiu tornear os imensos interstícios e armadilhas que o conhecimento da selva proporcionou à guerrilha.

Voltando aos Huey, ficou para sempre a sua marca de "salvadores" em situações de aperto. Filmes como "Platoon", por exemplo, revelam bem a função destes bravos helis, cujo troar das duas pás dos rotores eram sinónimo de ajuda, seja em fogo/apoio aéreo próximo, fosse, sobretudo, em acções de evacuação médica.
Ainda hoje, este helicóptero fará soar as "campainhas de alarme e esperança" em muitos veteranos da guerra do Vietname, bem como nos indefectíveis consumidores de toda a iconografia e conteúdo histórico desse marcante conflito do século XX.

0 Voaram em formação:

ARTIGOS MAIS VISUALIZADOS

CRÉDITOS

Os textos publicados no Pássaro de Ferro são da autoria e responsabilidade dos seus autores/colaboradores, salvo indicação em contrário.
Só poderão ser usados mediante autorização expressa dos autores e/ou dos administradores.

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Laundry Detergent Coupons
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...>