segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

REINO UNIDO REFORÇA SISTEMA DE MÍSSEIS NAS FALKLANDS (M1767 - 10PM/2015)

Sistema FLAADS da MBDA

O Ministério da Defesa britânico está empenhado em reforçar a proteção antiaérea nas ilhas Falklands com um novo sistema de mísseis da MBDA, no valor de 228M GBP, de potenciais ameaças argentinas.

O equipamento militar argentino é praticamente o mesmo da guerra que opôs os dois países em 1982, devido por um lado aos embargos que se sucederam à guerra e às crises financeiras que se têm sucedido no país sul-americano. Recentemente contudo, e após revelada a intenção por parte dos argentinos, de adquirir caças Gripen de última geração, fabricados no Brasil, o Reino Unido fez saber que bloquearia toda a tecnologia britânica que equipa os caças. Foi após este episódio que surgiu a notícia da intenção de aquisição dos Su-24 pela Argentina à Rússia, o que foi entendido no Reino Unido como um risco sério à sua soberania, no arquipélago também designado por Malvinas.

O sistema móvel de lançamento de mísseis FLAADS

O sistema FLAADS (Future Local Area Air Defence System) de mísseis terra-ar, é baseado em unidades móveis e é o pretendido para substituir as baterias de mísseis Rapier atualmente em uso nas Falklands, muito eficientes, mas já algo ultrapassados.
Já os mísseis FLAADS, de que o Reino Unido financiou o desenvolvimento, conseguem atingir velocidades da ordem dos 1000 m/s, sendo capazes de garantir proteção contra aeronaves supersónicas e mísseis de cruzeiro, mas não estarão operacionais antes de 2016.




0 Voaram em formação:

ARTIGOS MAIS VISUALIZADOS

CRÉDITOS

Os textos publicados no Pássaro de Ferro são da autoria e responsabilidade dos seus autores/colaboradores, salvo indicação em contrário.
Só poderão ser usados mediante autorização expressa dos autores e/ou dos administradores.

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Laundry Detergent Coupons
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...>