sexta-feira, 21 de novembro de 2014

F-22 E F-35 VOAM PRIMEIRA MISSÃO OPERACIONAL CONJUNTA (M1728 - 107AL/2014)


Esta fotografia e as que se seguem, representa muito do que as chefias da USAirforce desejavam ver há vários anos, décadas, talvez. Uma nova geração de aviões de combate, capazes de assegurar missões de vários tipos, num patamar de sofisticação que possa permitir aos EUA continuar a manter a dianteira no que toca à supremacia aérea.
Há dias, portanto, esse desejo tornou-se realidade, através da realização da primeira missão operacional conjunta entre F-22 Raptor e F-35 Lightning II.


Qualquer um destes aparelhos teve um desenvolvimento atribulado e não isento de polémicas, muito embora o F-35 tenha elevado - mais do que o F-22 - esse patamar. O Lightning II permanece, ainda, como uma aura incerta, uma vez que são muitas as vozes que questionam a sua eficácia, tendo em conta os seus enormes custos.
Será o tempo a confirmar ou não se valeu a pena "sofrer" estas agruras.


Em suma, uma vez solidificada a existência destas duas aeronaves, poderemos estar perante um vislumbre do que será a aviação de combate da 5ª geração, não só nos EUA, mas como em outros países.
E também deste modo, os Estados Unidos acabam por marcar uma vez mais a dianteira no que toca à 5ª geração, deixando para trás Rússia a China.
Pelo menos no campo da diplomacia, esta dupla de trunfos pode ter algum valor, mesmo que que "apenas" simbólico.

Fonte: Military.com/Business Insider
Fotos/Photos: USAF
Tradução e adaptação: Pássaro de Ferro


0 Voaram em formação:

ARTIGOS MAIS VISUALIZADOS

CRÉDITOS

Os textos publicados no Pássaro de Ferro são da autoria e responsabilidade dos seus autores/colaboradores, salvo indicação em contrário.
Só poderão ser usados mediante autorização expressa dos autores e/ou dos administradores.

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Laundry Detergent Coupons
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...>