quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

EMBRAER ENTREGOU PRIMEIROS SUPER TUCANO À MAURITÂNIA (M826 - 03AL/2013)


A Embraer Defesa e Segurança entregou, em final de outubro passado, os primeiros turboélices de ataque leve e treino avançado A-29 Super Tucano à Força Aérea da Mauritânia. Estas aeronaves serão utilizadas em missões de vigilância de fronteiras.
“O Super Tucano tem experiência comprovada em combate, é versátil, extremamente eficiente e tem baixo custo de operação”, referiu Luiz Carlos Aguiar, presidente da Embraer Defesa e Segurança. “Com esta entrega, ampliamos as nossas relações com o continente africano, onde esta aeronave tem despertado grande interesse”.
Dez clientes já selecionaram o A-29 Super Tucano, um pouco por todo mundo . O modelo, que está em operação em sete forças aéreas na América Latina, na África e na Ásia, já superou a marca de 170 mil horas de voo e 26 mil horas de combate. 
O Super Tucano é capaz de executar um amplo envelope de missões, que incluem ataque leve, vigilância, e interceção aérea. A aeronave está equipada com avançadas tecnologias em sistemas eletrónicos, eletro-óticos, infravermelho e laser, assim como sistemas de rádio seguros com ligação de dados e uma inigualável capacidade de armamento, o que o torna altamente confiável e com excelente relação custo-benefício para um grande número de missões militares, mesmo em pistas não pavimentadas e ambientes hostis.
O A-29 Super Tucano opera mais de 130 configurações de armamento, incluindo lançadores de foguetes de 70mm, mísseis ar-ar e bombas guiadas a laser, totalmente integradas ao sistema de missão da aeronave, com designador a laser. Este armamento inteligente, de última geração, são empregues em missões operacionais reais, executadas pelo Super Tucano, há mais de cinco anos.
O A-29 Super Tucano é fruto de um projeto desenvolvido de acordo com as exigências da Força Aérea Brasileira (FAB). 
Com mais de 160 aviões já entregues, é totalmente compatível com as operações de combate em cenários complexos, em que são exigidas as capacidades de troca de dados e processamento da informação. Além de ter reforçada a estrutura para operações em pistas não pavimentadas, o avião conta com avançados sistemas de navegação e pontaria de armas, o que lhe garante alta precisão e fiabilidade, utilizando tanto armamento convencional como inteligente, mesmo sob condições extremas. A juntar a tudo isto, o avião requer apoio logístico mínimo para operações contínuas.

Fonte: RVR
Adaptação: Pássaro de Ferro

0 Voaram em formação:

ARTIGOS MAIS VISUALIZADOS

CRÉDITOS

Os textos publicados no Pássaro de Ferro são da autoria e responsabilidade dos seus autores/colaboradores, salvo indicação em contrário.
Só poderão ser usados mediante autorização expressa dos autores e/ou dos administradores.

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Laundry Detergent Coupons
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...>