sexta-feira, 25 de janeiro de 2013

REVELADO RELATÓRIO DE ACIDENTE COM CF-188 NO CANADÁ (M848 -30PM/2012)

CF-188 do Canadian Demo Team no momento da ejeção a 23.07.2010  Foto:RCAF
Durante os treinos para a exibição de um CF-188 Hornet em Lethbridge a 23 de julho de 2010, a aeronave s/n CF188738 experimentou perda de potência no motor direito, enquanto efetuava uma passagem baixa (cerca de 300 pés) com elevado ângulo de ataque. Alheio ao problema, mas sentindo o avião afundar ligeiramente, o piloto acionou máxima pós-combustão em ambos os motores para completar a manobra. A aeronave imediatamente começou a rodar sobre a direita, continuando com a mesma atitude apesar de compensação com a manche de controlo e pedais de leme.
Com a aeronave a aproximadamente 150 pés de altitude e a 90º de inclinação sobre a direita, o piloto ejetou-se do avião. A aeronave continuou depois a trajetória em parafuso descendente, acabando por atingir o solo de nariz.
A ejeção foi bem sucedida, mas o piloto acabou por sofrer ferimentos ao tocar o solo, após descida de paraquedas.

O relatório de acidente foi agora revelado publicamente pela Royal Canadian Air Force (RCAF), revelando uma série de fatores que contribuiram para o desfecho final do voo:
- o mau funcionamento do motor direito foi provavelmente devido a um pistão de controlo de impulso preso, no sistema principal de controlo de combustível do motor direito, que impediu o motor de progredir do regime "flight idle" para máxima potência, quando a pós-combustão foi acionada. O forte desequilíbrio de potência entre os dois motores, levou o avião a sair do regime de voo controlado, sendo irrecuperável dentro da altitude de voo.
- o facto da avaria ter sido impercetível para o piloto, antes deste tentar completar a manobra com o aumento de potência

Em resposta ao sucedido, a RCAF implementou um programa de upgrade ao sistema de controlo de combustível frota CF-188 em serviço. 
O programa de demonstração do Canadian Demo Team foi também alterado, com a altitude da passagem baixa aumentada dos 300 para os 500 pés, aumento da intensidade dos treinos e assegurando também que ambos os motores do avião que efetua a demo possuem sistema de controlo de combustível atualizado.

Relatório completo:
http://www.rcaf-arc.forces.gc.ca/vital/dfs-dsv/nr-sp/docs/I/fsir/cf188738-fsir-23jul2010-eng.pdf


Fonte:RCAF
Adaptação: Pássaro de Ferro

0 Voaram em formação:

ARTIGOS MAIS VISUALIZADOS

CRÉDITOS

Os textos publicados no Pássaro de Ferro são da autoria e responsabilidade dos seus autores/colaboradores, salvo indicação em contrário.
Só poderão ser usados mediante autorização expressa dos autores e/ou dos administradores.

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Laundry Detergent Coupons
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...>