sábado, 16 de dezembro de 2006

VOAR NO CHÃO



A operação de um meio aéreo é complexa.
Não basta ser avião para, apenas pelo epíteto, poder voar.
Quando se tem o privilégio de acompanhar a vida de uma esquadra de vôo como a 304 -Magníficos e a 201 - Falcões, e muito antes do gosto de ver os aviões a rasgar os céus, é sempre (muito) interessante pode vê-los em terra a prepararem-se para voar.
A foto do A-7P, o "meu" 15521, apresenta o belo SLUF em testes de motor, com a obrigatória protecção anti-objectos sugáveis (FOD). Uma magnífica fotografia (obtida em Maio de 1998 numa 'raquete' da 304) do Paulo "Wildething 07" Mata, meu companheiro de aventuras aeronáuticas.
A do F-16, o 15107, apresenta um cenário idêntico ao do A-7P. O avião estava de motor desligado mas havia estado em testes pouco antes, num dos velhos shelter´s da Alfa 1 e foi obtida, também pelo mesmo autor, em Agosto de 2001.
Qualquer das fotos dá corpo à ideia de que a segurança em vôo é palavra de ordem, por muitos imprevistos que possam acontecer.
Mecânicos e pilotos participam nessa tarefa e, sobretudo aos primeiros, deverá ser reconhecida a sua primordial importância!
O "Pássaro de Ferro" cá está para lhes render uma justa homenagem.

0 Voaram em formação:

ARTIGOS MAIS VISUALIZADOS

CRÉDITOS

Os textos publicados no Pássaro de Ferro são da autoria e responsabilidade dos seus autores/colaboradores, salvo indicação em contrário.
Só poderão ser usados mediante autorização expressa dos autores e/ou dos administradores.

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Laundry Detergent Coupons
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...>