domingo, 16 de julho de 2006

SEMPRE O A-7P

O A-7P 15509 em preparativos para uma missão "all weather", num chuvoso dia de Fevereiro de 1999, em Monte Real - Foto: Paulo Mata
-

A-7P em pleno vôo - Foto: Pedro Mendonça


Um dos factos que mais me causou "confusão" durante a operação do A-7P na FAP foi a "campanha" mais ou menos sistemática contra o avião. Fosse lá por que razões fosse (e algumas eram fáceis de perceber), o A-7P foi um avião mal amado.
Foi de facto um avião com uma grande taxa de "perdas", mas, como é costume, as causas que levaram a essa realidade nem sempre eram explicadas e, pior do que isso, eram frequentemente manipuladas em função dos críticos da aeronave e de políticos e estranhos interesses.
Ora como eu nunca fui de carneirismos, muito menos impingidos por gente que ou não conhecia a realidade ou se a conhecia a deturpava com determinados fins, estive sempre com um pé atrás no que toca à análise das perdas do A-7P.
O tempo encarregou-se de me dar razão. A maior parte das perdas do A-7P ocorreram por falhas humanas, quase todas causadas por poucas horas de vôo dos pilotos, logo por erros de pilotagem que nalguns casos causaram a perda do próprio piloto.
As falhas técnicas ocorreram, de facto, mas tendo em conta a idade do avião e o esforço a que foram submetidos, tanto na USNavy como depois na FAP, os A-7P cumpriram até muito bem a sua função.
Para o tempo em que voaram, os A-7P deveriam ter sido tratados com um pouco mais de seriedade, sobretudo por consideração e respeito pelos homens que o operaram.
Por mim, reconheci-lhes bem sedo esse mérito.

3 Voaram em formação:

Blackbird disse...

Olá António, espero que esteja tudo bem consigo. Visitei o seu blog e gostei imenso. Será que me dá autorização para inserir o link do seu blog, no meu blog?
O meu blog é:
http://voarmaisalto.blogspot.com/

Desde já um grande abraço e parabéns pelo belo blog.

António Luís disse...

Viva Blackbird!

Claro que não me importo que link o meu blog. Eu vou fazer o mesmo com o seu, com a devida autorização que espero me conceda.

Abraço.
A. "04" Luís

Blackbird disse...

Olá António, claro que pode inserir aí o link para o meu blog.
Um grande abraço

ARTIGOS MAIS VISUALIZADOS

CRÉDITOS

Os textos publicados no Pássaro de Ferro são da autoria e responsabilidade dos seus autores/colaboradores, salvo indicação em contrário.
Só poderão ser usados mediante autorização expressa dos autores e/ou dos administradores.

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Laundry Detergent Coupons
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...>